Sunday, December 14, 2014

Decidi aproveitar o feriado do 8 de Dezembro e o seu sol esplêndido, para ir almoçar à beira-mar, ou melhor, "à babuja" da ria de Alvor. E, claro, o restaurante "Àbabuja" foi o eleito. Já andava há imenso tempo com vontade de experimentar este restaurante, com a sua vista fabulosa, como podem ver pelas fotos.

A sala estava bastante composta, com muita gente que como eu estava a aproveitar o dia off para desfrutar do bom tempo. Por isso, preferi sentar-me na esplanada. Ouvia-se um acordeão a tocar (provavelmente de outro restaurante). O cenário era perfeito. 

Infelizmente, o serviço não foi tão bom quanto o cenário... tive cerca de 5 diferentes pessoas a atender-me, o que me fez repetir a mesma coisa algumas vezes. Se pelo menos essa roda viva de empregados fosse com o objectivo de eu não esperar... mas pelo contrário, pois, devo ter esperado pelo meu almoço cerca de 40 minutos, Ainda por cima, não tive direito a couvert, nada de nada para petiscar enquanto a comida não vinha. A empregada não se lembrou de me trazer nada, ainda menos me perguntou se queria pão ou entradas....

Mas tudo bem. A verdade é que também não queria gastar demasiado dinheiro neste almoço solitário. Quando vi o menu, muito francamente, achei os preços elevados. Estava praticamente tudo à volta dos 15-20€ (se a memória não me falha) para pratos que não me chamavam muito a atenção. Assim, quando a colaboradora me disse que o prato do dia era Arroz de Lingueirão. Pensei para mim: "Perfeito, nunca comi e, assim, sempre é mais económico que os outros pratos". 

Finalmente, passado 30 minutos chegou a comida, servida numa panela anti-aderente preta, que, na minha mais humilde opinião, estava longe de ser típica ou glamorosa.


Passada a apresentação do prato, devo admitir que a comida estava saborosa e boa. Era uma comida, tipo caseira de que gostei mas... vá ... não achei fantástico. Digo isto porque todas as pessoas que conheço e que já foram a este restaurante não param de gabar a comida. Se calhar, as expectativas estavam demasiado elevadas!

Dado que tinha pedido o prato do dia, decidi alargar o orçamento com uma sobremesa: um toucinho do céu. Fiquei desiludida de saber que não eram eles que faziam mas sim uma pastelaria de Portimão. Estava muito bom. E, por outro lado, quando não se sabe fazer sobremesas, mais vale não fazer mesmo. Assim, respeito esta escolha.



Dado que a demora era tanta, acabei por pedir sobremesa, café e conta tudo ao mesmo tempo. E ainda bem... pois precisei mesmo de um docinho para fazer o amargo da conta escorregar melhor...
Para 1/2 dose de arroz de lingueirão, uma garrafa de água natural 0.33cl, um toucinho do céu e um café, paguei 22€ e mais uns cêntimos... sendo que o prato do dia (a meia dose) em si foi 16€. Nunca tinha pago tanto para um prato do dia, nem nunca tinha esperado tanto tempo...

Concluindo, fiquei desiludida pelo restaurante estava à espera de melhor. O preço da comida é muito elevada. Uma apresentação demasiado "minimalista" e um serviço demasiado lento e pouco profissional, na minha opinião. 

Se é assim num feriado que movimenta meia dúzia de pessoas, como será no verão?! 

0 comments:

Post a Comment



Hope you are enjoying my blog!

To avoid spam, comment moderation is enabled and may delay your comment.

Hope to see you again soon! :)
Nat